Duelo de Alimentos: Bolacha Maria vs. Bolacha torrada


14 Oct

O duelo de hoje é dedicado a dois tipos de bolachas que são considerados como opções “aceitáveis” para substituir o pão, quando necessário. Fazem parte do restrito lote de bolachas mais simples que a maioria dos nutricionistas aceita incluir em muitos dos planos que prescreve. De um lado temos a célebre bolacha Maria, e do outro a bolacha torrada.

Que comece o duelo…

Analisando a tabela verifica-se que ambos os tipos de bolacha apresentam a mesma quantidade de calorias e de fibra. A bolacha torrada possui menos hidratos de carbono, enquanto a bolacha Maria contém mais proteína e menos gordura. A quantidade de vitamina B1 e B3 é superior na bolacha Maria, mas existe mais vitamina B2 na bolacha torrada. Quanto aos minerais, a bolacha Maria apresenta maior quantidade de sódio, potássio, ferro, fósforo e magnésio, mas menor quantidade de zinco. 

A bolacha Maria possui mais proteína e menos gordura, mas mais hidratos de carbono do que a bolacha torrada. Em relação às vitaminas e aos minerais, a composição nutricional da bolacha Maria é mais rica.

Concluindo, o vencedor deste duelo é a bolacha Maria. Seja do ponto de vista de macronutrientes, vitaminas ou minerais, a composição nutricional desta é mais interessante. Obviamente que isso não significa que a bolacha torrada não possa ser uma alternativa aceitável, pois não é claramente nenhum atentado nutricional (ao contrário de muitas bolachas que existem no mercado), mas não é nutricionalmente tão rica como a bolacha Maria. Para terminar, gostaria apenas de deixar claro que sempre que possível a prioridade deve ser o pão em vez de bolachas, mas se a opção for mesmo comer bolachas, então deve sempre procurar bolachas com uma composição mais simples e nutritiva, tal como os combatentes deste duelo…

Fonte: mundodanutricao.com