Escola Amiga da Criança apresenta estudo sobre “O Papel da Escola e dos Educadores” em tempos de (COVID-19) E@D


29 Sep

Num período em que o processo de ensino-aprendizagem está em constante mutação e ajuste, importa refletir sobre um eventual novo papel da Escola e dos Educadores. Eis a proposta do novo estudo da Escola Amiga da Criança.

Uma reflexão atual, na qual participaram mais de 23000 inquiridos, em torno de questões como:

  • A missão da escola
  • O papel do professor
  • A conquista da autonomia e das dificuldades que envolve
  • O currículo, adequação e extensão
  • O acesso ao ensino superior

A Escola Amiga da Criança, em colaboração com a Porto Business School da Universidade Católica do Porto e a Faculdade de Psicologia da Universidade Católica do Porto desenvolveram um novo Estudo cujo objetivo é dar a conhecer a perceção dos Encarregados de Educação sobre qual o papel da Escola, do Professor e do Aluno, na era Covid-19.

Este Estudo será debatido no próximo dia 8 de outubro, pelas 18h30 numa apresentação online e contará com a presença de várias entidades ligadas ao ensino e à sociedade, das quais destacamos:

  • Jorge Ascenção – Presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais
  • Jorge Nascimento – Conselho das Escolas
  • Luís Presa – Presidente da Associação Nacional de Escolas Profissionais
  • Teresa Damásio - Associação de Estabelecimentos de Ensino Particular e Cooperativo
  • João Costa - Secretário de Estado Adjunto e da Educação

O projeto Escola Amiga da Criança visa distinguir escolas que concebem e concretizam no espaço escolar ideias extraordinárias para um desenvolvimento mais feliz da criança. Os mentores do projeto Escola Amiga da Criança são o Psicólogo Eduardo Sá, a Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP) e a LeYa.