Quer ajudar os bombeiros? Alugue um pinheiro de Natal


16 Nov

A iniciativa Pinheiro Bombeiro está de volta, o que significa que os portugueses são, uma vez mais, chamados a apoiar os Bombeiros Voluntários Portugueses através do aluguer de um pinheiro de Natal. Na sua quarta edição, o projecto solidário promovido pela Rnters chega agora a mais pontos do País, graças a um conjunto de novos parceiros.

Galp, EDP e Grupo Lizauto juntam-se ao Pinheiro Bombeiro para permitir que mais pessoas possam contribuir para que mais de 20 mil bombeiros tenham as condições necessárias para continuar o seu trabalho. Por cada pinheiro alugado, cinco euros revertem para a compra de material profissional. 

Cada um dos parceiros traz algo de novo ao projecto. A Galp irá colocar à venda conjuntos de enfeites solidários nos seus postos de combustíveis de Norte a Sul. Feitos em madeira, os enfeites chegam em conjuntos disponíveis por cinco euros, sendo que um euro reverte a favor da causa.

O Grupo Lizauto, por seu turno, vai oferecer a possibilidade de alugar um pinheiro também em Leiria, Caldas da Rainha e Torres Vedras, alargando o raio de alcance para lá de Lisboa e Porto.

Quanto à EDP Comercial, compromete-se a doar um Pinheiro Bombeiro a uma instituição de solidariedade por cada árvore alugada através do Planeta Zero.

Recorde-se que os pinheiros disponibilizados através desta iniciativa foram cortados para limpar matas e prevenir incêndios e que, depois do Natal, serão transformados em biomassa. Desta forma, a campanha tem também uma componente de sustentabilidade.

“Para alugar um Pinheiro Bombeiro, ou comprar conjuntos de enfeites solidários, basta aceder ao site oficial da iniciativa. Este ano, mais do que nunca, serão privilegiadas as encomendas online e as entregas ao domicílio para evitar deslocações e ajuntamentos”, indica a Rnters em comunicado. 

Para incentivar esta opção, a Rnters reduziu o valor das entregas em casa, disponíveis em Lisboa e no Porto. Quem preferir, pode, ainda assim, deslocar-se à LX Factory (Lisboa) ou ao posto da Galp na Avenida do Bessa (Porto), além dos espaços Lizauto em Leiria, Caldas da Rainha e Torres Vedras.