01 Jan
01Jan

A partir de janeiro de 2022, os cães não terão de ficar à porta do LoureShopping. O centro comercial gerido e comercializado pela consultora imobiliária CBRE vai permitir que todos os visitantes possam circular acompanhados pelos seus amigos de quatro patas. Estes vão poder estar ao lado dos seus cuidadores, tanto nos momentos de compra como nos de lazer, desde que sejam cumpridas todas as regras e condições previstas.

«É com enorme satisfação que, a partir do próximo ano, passaremos a receber os nossos clientes e visitantes, acompanhados dos seus amigos patudos. Acreditamos que tutores e os seus respetivos animais serão exemplares no cumprimento das regras definidas neste contexto», comenta Vanda Dias, diretora do LoureShopping.

Em comunicado, a responsável explica que o objetivo desta iniciativa é tornar a experiência dos visitantes mais completa e gratificante, «criando a possibilidade, junto da comunidade local, de poder desfrutar ainda mais amplamente do espaço interior e do fantástico Parque Verde, partilhando esses momentos com o seu amigo de quatro patas».

Os cães vão poder frequentar os espaços e lojas aderentes, após a emissão do seu “passaporte”. Para isso, basta apresentar a documentação necessária. Já no Parque Verde do LoureShopping, localizado no exterior, os cães poderão brincar e correr livremente.

Na primeira visita ao LoureShopping na companhia do cão, o responsável/cuidador do cão deve deslocar-se ao balcão de informações e fazer-se acompanhar da seguinte documentação:

  • Documento de identificação dos responsáveis e/ou cuidadores;
  • Boletim de vacinação em dia do cão;
  • Registo de chip (caso o número de chip não esteja evidenciado no boletim de vacinação);
  • Licença municipal em dia;
  • Seguro de responsabilidade civil do cão.