Os Peixes que Fugiram da História


Os Peixes que Fugiram da História

Desenvolvido numa parceria entre a IGLO e o MSC, "Os Peixes que Fugiram da História", ilustrado por Mariana Rio, é um livro infantil que alerta para a importância da Pesca Sustentável. 

Era uma vez três crianças e um capitão que partem à descoberta de um grande mistério... acabando por fazer muitas aprendizagens, tão importantes para miúdos como para graúdos!

"Garoupa dourada perdeu-se", "Dá-se recompensa a quem encontrar o atum", "Procura-se pescada do cabo", "Salmão fugiu do mar", "Desapareceu a sardinha do prato". Estes são apenas alguns dos cartazes que aparecem nas árvores que principiam um "manifesto" de 38 páginas.

"Os Peixes que Fugiram da História” é o nome do livro que conta a história de três crianças - o João, a Rita e o André - que vão tentar descobrir, juntamente com familiares que dependem do mar para viver, a razão pela qual alguns dos peixes do mar da sua vila, A-Ver-O-Mar, deixaram de ser avistados.

Para os ajudar a compreender este mistério vão contar com o Capitão, avô paterno de João e verdadeiro lobo do mar, o tio da Rita, que é pescador ou o pai do André, chefe de cozinha do restaurante Neptuno... Todos sofrem as consequências da falta de peixe no mar. Mas quem serão os culpados?

Desenvolvido pela editora Patológico, o projeto “Os Peixes que Fugiram da História” resulta de uma parceria com a Iglo e MSC, que se juntam com o objetivo de alertar para o impacto negativo da sobrepesca e para a importância de um consumo de peixe mais responsável. O livro apresenta mesmo os "7 mandamentos do consumidor", que convém ter em mente.

 É certo que, por enquanto, não são as crianças que fazem as compras da casa, mas podem ser verdadeiros influenciadores, se tiverem em mente as ações que podem levar a cabo para ajudar a salvar os peixes. Assim, vão praticando para, um dia, serem adultos que respeitam a Natureza e o mar através do consumo responsável.

Neste livro, que tem tanto de criativo como de didático, tanto crianças como adultos podem navegar por diversos ensinamentos sobre os recursos do oceano e sobre que medidas podem tomar para preservar os diversos ecossistemas, que podem passar por gestos simples tão simples como variar de peixe na nossa alimentação.

Sabia que todos os anos, são pescados mais de 70 milhões de peixe no mundo, grande parte por enormes navios que ficam vários meses no mar, onde o peixe é cortado a bordo e congelado? E que Portugal é o principal consumidor de peixe da Europa? Cada europeu come, em média, cerca de 23 kg por ano e cada português come mais do dobro: 55,3 kg por ano. Feitas as contas, dá mais de uma quilo de peixe por semana. 

COMO DEVOLVER OS PEIXES A ESTA "HISTÓRIA"? 

A resposta é a pesca sustentável: devemos deixar peixes suficientes nos oceanos e  respeitar os seus habitats. Somos responsáveis por escolher a espécie, a origem, o tamanho e a forma como foi pescado o peixe que comemos. É preciso manter o equilíbrio dos ecossistemas – a Natureza tem sempre razão!

No mar, todos os peixes e animais marinhos, como a pescada, o bacalhau, o salmão, a sardinha, o polvo, a lula, o atum, os golfinhos, os tubarões, as baleias, os caranguejos, as tartarugas e os corais, e mesmo as plantas aquáticas como as algas, têm de se alimentar e são potencial alimento para outros animais.

A pesca excessiva é uma grande ameaça para peixes como o bacalhau, o atum, a sardinha ou a pescada. A sua população entra em colapso, porque os peixes que ficam no mar não conseguem reproduzir-se e substituir os que foram pescados.

Os ecossistemas marinhos estão em risco e, se continuarmos assim, em breve poderá não haver mais peixe para pescar ou comer. "E a vida fica mais triste, sem peixe no mar no prato".

Assim se lê nesta obra, que promete sensibilizar todos para este objetivo comum: devolver os peixes a esta e a todas as histórias.

Veja aqui como adquirir o livro. 1€ da compra reverte para apoiar o Programa de Oceanos e Pescas da ANP|WWF, a maior organização global independente de conservação da Natureza.

  • Título: Os Peixes que Fugiram da História
  • Editora: Pato Lógico Edições 
  • Dimensões: 200 x 285 x 11 mm 
  • Encadernação: Capa dura
  • Páginas: 64
  • Classificação Temática: Infantis e Juvenis > Contos Fábulas e Narrativas > Infantil (6 a 10 anos) 
  • Preço: 14,50€