Richard Zimler explica a vida e a morte aos mais pequenos


03 Oct

Porto Editora publica Na Terra dos Animais Falantes, com ilustração de Patrícia Figueiredo.

«Temos de ir sempre muito devagar, senão nunca vamos compreender a sorte de viver onde vivemos» é um dos muitos conselhos deixados por Richard Zimler no seu novo livro dirigido ao público infantojuvenil. Na Terra dos Animais Falantes explica aos mais pequenos temas difíceis de assimilar como a despedida, tantas vezes inevitável, daqueles de quem mais gostamos.

O livro está disponível nas livrarias desde dia 1 de outubro.

Com 30 anos de vida em Portugal, o autor com vasta obra publicada regressa assim ao universo dos leitores de palmo e meio para lhes dar resposta às suas angústias mais secretas. Escrita na primeira pessoa, na voz de um menino triste e zangado com um mundo de adultos que não compreende, esta narrativa aponta, no entanto, para o céu estrelado sobre nós, onde podem perfeitamente morar a magia e a esperança. 

Na Terra dos Animais Falantes

Nuno acabou de perder a sua melhor amiga, Miss Marble. Certa manhã, o pai levou a cadela ao veterinário e regressou sozinho. Para o animar, os pais planeiam umas férias, mas quando as luzes se apagam o sono custa a chegar. Numa dessas noites, Nuno levanta-se da cama e vai até à varanda olhar as estrelas, que lhe parecem estranhamente reconfortantes. Um mocho vem pousar nas grades e conta-lhe como estes astros o guiam durante os seus voos, desvendando-lhe ainda os segredos desse outro mundo onde os animais falam. Quando o mocho o deixa, Nuno ouve uma voz chamá-lo do jardim em baixo. Assustado, debruça-se sobre as grades e…

E é então que começa a sua aventura na terra dos animais falantes, um sítio onde dodós, preguiças, esquilos e um bando de outras criaturas amigáveis lhe vão dando algumas respostas sobre a vida, a morte e tudo o que está pelo meio.

Título: Na Terra dos Animais Falantes

Autor: Richard Zimler

Ilustração: Patrícia Figueiredo

Páginas: 62

PVP: 13,30€