textos de autor


Butterfly-life

Uma criança pronta para nascer perguntou a Deus: - "Dizem-me que estarei sendo enviado à Terra amanhã... Como eu vou viver lá, sendo assim pequeno e indefeso?" [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Cada um sabe o que mais lhe dói. O que lhe acalma o peito. O que não dá para esquecer. O que é gostoso de lembrar. [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Sentir saudade de quem partiu mostra a grandeza e a veracidade do Amor que vivenciamos e eternizamos dentro de nós!... [...]

Ler mais  

Butterfly-life

"Murcharam minhas pétalas e cortaram minhas flores, mas esqueceram que tenho raízes. Brotei de novo."

Ler mais  

Butterfly-life

Nada substitui a elegância dos gestos! Pode-se ter um sobrenome importante, muito dinheiro, jóias, roupas da moda, carros. Mas nada se compara a um comportamento elegante. Quem assim o é, traz leveza no falar, suavidade no olhar e delicadeza em se portar. [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Crianças deixam o coração mais forte, a casa mais barulhenta, a mãe mais sonolenta. A poupança menor, a noite maior. As roupas mais batidas, a tristeza mais contida, a família mais agradecida. [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Uma das atitudes mais bonitas do ser humano é a gratidão. Seja grato a todos que lhe estenderam a mão, a todos que não o abandonaram, a todos que acreditaram em você, e, a todos que, pelo menos souberam ouvi-lo e compreendê-lo.

Ler mais  

Butterfly-life

Ensinarás a voar, mas não voarão o teu voo... Ensinarás a sonhar, mas não sonharão o teu sonho... Ensinarás a viver, mas não viverão a tua vida... Ensinarás a cantar, mas não cantarão a tua canção... [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Na vida é preciso ter três coisas: A humildade de não se sentir superior a ninguém. A coragem de enfrentar qualquer situação. E a sabedoria de se calar diante da estupidez de certas pessoas.

Ler mais  

Butterfly-life

Cachorro é cachorro, gente é gente! Cachorro tem que ser tratado como cachorro – com respeito à sua fidelidade, ao seu caráter, ao seu amor e sua pureza… Cachorro não finge, não trai, não julga, não mente… [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Nenhuma mãe deixa sua carreira de lado para ficar com os filhos por ser "preguiçosa" . Nenhuma mãe deixa as crianças na creche desde bebê por ser ambiciosa e não amar os filhos. [...]

Ler mais  

Butterfly-life

Cuidado ao carregar todos os pesos do mundo nas costas magras e frágeis. Cuidado ao engolir todas as amarguras lançadas no ar, cuidado ao interagir com uma dor que não lhe pertence. Cuidado, moça, cuidado com o alicerce mal acabado...

Ler mais  

Butterfly-life

Cuidado ao carregar todos os pesos do mundo nas costas magras e frágeis. Cuidado ao engolir todas as amarguras lançadas no ar, cuidado ao interagir com uma dor que não lhe pertence. Cuidado, moça, cuidado com o alicerce mal acabado...

Ler mais  

CPM - Centro de Psicologia e Mediação

Eles vão crescer e dispensar o nosso colo. Vai chegar a fase em que os amigos serão mais importantes que os pais. Que as nossas demonstrações de afeto serão consideradas um grande mico. [...]

Ler mais  

CPM - Centro de Psicologia e Mediação

A minha avó, uma vez, deu-me uma dica: Em tempos difíceis, avança em pequenos passos. Faça o que tem que fazer, mas pouco a pouco. Não pense no futuro, nem no que pode acontecer amanhã. [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães embalam os filhos nas canastras que trazem à cabeça. Enrodilham as franjas do xaile mil vezes para desfazer os nós que ficam na garganta quando os filhos embarcam. [...]

Ler mais  

lado a lado

Não guardes para ti o que tens para dar. Não fiques com o que podes oferecer. Não finjas que não sabes a diferença que o teu sorriso pode fazer. Não penses que alguém fará por ti ou dirá por ti as palavras que só a ti cabem dizer. [...]

Ler mais  

lado a lado

Antes de darmos à luz um filho, já ele no-la ofereceu. Uma mulher à espera de ser mãe tem um olhar luminoso e, mesmo que o corpo lhe pese, caminha como se flutuasse. [...]

Ler mais  

lado a lado

Os anjos são de carne e osso. Os olhos são grandes ou pequenos, amendoados às vezes ou às vezes rasgados, azuis ou verdes ou castanhos e às vezes pretos, mas são daqueles olhos que têm raízes na alma e nunca olham só para o lado de fora das coisas. [...]

Ler mais  

lado a lado

Se te querem derrubar, agarra-te às tuas convicções e à firmeza dos teus sonhos. Se te querem impedir de chegar ao que queres, lembra-te de que não precisas de autorização para seres tu. Já não tens idade para deixar que decidam por ti. [...]

Ler mais  

lado a lado

Vá, mãe, não te mexas Se queres ficar bonita Vou-te fazer uma trança E a ver se não desmancha Amarro-ta com esta fita [...]

Ler mais  

lado a lado

- Tens medo? - Tenho. - Porquê? - Porque te amo. [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães são o nosso mundo, mas não são deste mundo. Têm poderes. As mães são mágicas. [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães são o mar a embalar. São o vento a soprar a areia da ferida do joelho. São o sol a secar as lágrimas. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que a palavra «mãe» tem um til? [...]

Ler mais  

lado a lado

Era uma vez um menino Que queria ir à lua E não sabia como fazer… Não tinha escadas em casa Nem tinha nenhum trampolim Nem tinha nascido com asas [...]

Ler mais  

lado a lado

Se eu soubesse, teria deixado que me despenteasses mais vezes com as tuas mãos pequeninas de então. Se eu soubesse, teria dormido mais vezes contigo e teria respirado mais o teu perfume doce para que nunca se desvanecesse. [...]

Ler mais  

lado a lado

Sim, a lua tem quartos. No crescente, há uma cama grande No minguante, para rentabilizar o espaço, Há um beliche. Eu adoro dormir na lua, É cinco estrelas. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Tens a mão tão fria, ó lua! - Para a aquecer com a tua. - Ó lua, tens tão fria a mão! - Trago quente o coração. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Avô. - Diz. - Porque é que, às vezes, o mar tem ondas? - Porque os peixes estão a dançar. - Avô. - Diz. [...]

Ler mais  

lado a lado

Meu filho, ouve. Um dia, quando eu não estiver, vais voltar a ser pequenino e a perguntar Porquê?, como quando as coisas te espantavam e querias saber se as estrelas-do-mar eram estrelas caídas do céu. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que o amor é importante? - O amor impede que o coração encolha. - Encolher? [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que às vezes há estrelas no céu e outras vezes não? - Porque às vezes se destapam enquanto dormem. - As estrelas destapam-se, mãe? [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães são o mar a embalar. São o vento a soprar a areia da ferida do joelho. São o sol a secar as lágrimas. São a chuva a chamar para dentro. São o céu limpo de ir à rua pela mão. São água corrente a lavar as birras e a esfregar atrás das orelhas. [...]

Ler mais  

lado a lado

Um dia, já não vais caber no meu colo Um dia, já não me vais chamar de noite Um dia, já não vais perguntar-me Porquê Um dia, serás tu a dizer Logo se vê [...]

Ler mais  

lado a lado

Ter filhos é ter um pódio só com 1.º lugar. Mesmo que se tenham dez filhos, todos eles ocupam ex-aequo o mesmo lugar. Todos eles, independentemente da hora de chegada, cortam sempre a meta do nosso coração e nós trazemo-los sempre ao peito como o prémio maior que a Vida nos deu. [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães são o nosso mundo, mas não são deste mundo. Têm poderes. As mães são mágicas. Acordam de noite, assim do nada, porque sentem que o filho as vai chamar. Antes de ouvir, já escutaram a voz do filho. O coração das mães não se engana. [...]

Ler mais  

lado a lado

Mergulha. Deixa-te de mas. Deixa-te de se isto e se aquilo. Não tenhas medo. Não andes a reboque. Experimenta. Aprofunda o que sabes de ti. Aprofunda o que sabes da vida. Mergulha nos livros. [...]

Ler mais  

lado a lado

Os filhos são parte de nós. São a parte que não parte. São a melhor parte. Os filhos são o coração fora do peito. O coração nas mãos. São a parte que nunca colocamos de parte. Nunca. São a parte e o todo. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Lê para mim. Gosto tanto de te ouvir ler. - Eu também gosto de ler. - Como é que aprendeste a ler assim? Nos livros? - Não. Os livros só trazem palavras. - E não chega? [...]

Ler mais  

lado a lado

Os pais usam casacos e calças, mas os filhos olham para eles como se usassem uma capa e fossem capazes de voar. Os pais são os heróis dos filhos. Os filhos acham que um dia também vão voar e pensam que os pais os estão a ensinar quando os atiram ao ar [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães podem ser altas ou baixas ou assim assim, podem usar o cabelo curto ou comprido, podem usar maquilhagem ou não, calças ou saias. As mães têm rostos diferentes e gostos diferentes e formas diferentes, mas o feitio é o mesmo. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Queres dar-me um beijo? - Perguntas-me se te quero dar um beijo? - Sim. Se quiseres, podes dar. - E por que razão não me pedes antes esse beijo? Por que razão não me dizes que o queres? [...]

Ler mais  

lado a lado

- Cupido Manuel, chega aqui. - Sim, pai. O que foi? - O que foi? Ainda tens coragem de perguntar o que foi? Quando é que levas o teu trabalho a sério? Não achas que está na altura de abrires os olhos? - Mas, pai, o amor é cego… [...]

Ler mais  

lado a lado

Ó avó, conta uma história... As avós foram feitas para contar histórias. Ninguém sabe contar histórias como as avós. As avós sabem que não podem abrir só o livro e por isso abrem também o coração. As avós nunca têm pressa. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que chove? - A chuva é a forma de as nuvens chorarem. - E porque é que choram? [...]

Ler mais  

lado a lado

Os amigos de verdade são pessoas verdadeiras. As pessoas verdadeiras são aquelas que têm defeitos como toda a gente, mas não fingem as qualidades. Os amigos de verdade são aqueles que nos prestam atenção. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Para onde foi o avô? - Meu filho, o avô está onde sempre esteve: no teu coração. - Então porque é que eu sinto um vazio? [...]

Ler mais  

lado a lado

Se não estiveres sozinho quando a tempestade chegar, tudo vai ser mais fácil. A tempestade perde força quando encontra a força da amizade. A amizade não é à prova de chuva, mas é prova de generosidade e entrega. [...]

Ler mais  

lado a lado

Os filhos são a nossa força e a nossa fraqueza. Sim, somos fortes porque eles são o nosso ponto fraco. É por isso que nada nos alegra tanto como a alegria de um filho e nada nos pode doer mais do que a sua dor. [...]

Ler mais  

lado a lado

Era uma vez uma lua Cheia Sim, cheia de estar sempre no céu Sem poder conhecer outro lugar E começou a chorar [...]

Ler mais  

lado a lado

Pode parecer que a casa fica mais vazia E até maior Pode parecer que as noites são mais longas E que as horas demoram a passar Por saber que a porta não se vai abrir [...]

Ler mais  

lado a lado

Nem sempre – ou quase nunca – as coisas acontecem como queremos ou merecemos. Nem sempre – ou quase nunca – as coisas acontecem na altura em que as desejamos ou na altura em que nos fazem mais falta. [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães são chatas. Os pais são chatos. Os professores também. Não que o amor goste de implicar, mas porque quem ama se implica no amor que sente e se esforça por construir. Amar é implicar-se. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que as estrelas brilham? - Porque estão felizes por já terem idade para poder sair à noite [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que as palavras céu e mar são tão pequenas se o céu e o mar são tão grandes? [...]

Ler mais  

lado a lado

Há coisas que nos fazem felizes. Uma manhã luminosa. A planície dourada. O cheiro da roupa que secou ao sol. O cheiro da terra molhada. O cheiro de um bolo no forno. O sabor da massa crua [...]

Ler mais  

lado a lado

Os avós nunca têm pressa, a menos que seja a de fazerem as vontades aos netos. Para os avós, os netos estão sempre muito magrinhos, mais magrinhos do que da última vez, e querem engordá-los a todo o custo. [...]

Ler mais  

lado a lado

Juro que vi Eram vinte ou trinta fadas Todas juntas De mãos dadas Numa cantiga de roda [...]

Ler mais  

lado a lado

Era uma vez uma rena Que enjoava quando andava de trenó Sobretudo nas curvas apertadas E embora tomasse um comprimido Para o enjoo [...]

Ler mais  

lado a lado

Veio contar-me um passarinho Ao meu ouvido, baixinho Que as flores põem perfume Depois do duche de orvalho [...]

Ler mais  

lado a lado

- O que diz o barquinho às ondas do mar? - Que nasceu para o navegar. - O que diz o vento às velas do moinho? - Que girar é o seu destino. - O que diz a lua à noite cerrada? [...]

Ler mais  

lado a lado

Não quero roupa, quero agasalho. Não quero relógios, quero tempo. Não quero telemóveis, quero ligações. Não quero chocolates, quero doçura. Nas palavras e nos gestos. [...]

Ler mais  

lado a lado

Às vezes, parece que já não há mais. Às vezes, parece que a coragem acabou. Parece que a força se foi, tão fortes tivemos de ser tantas vezes. Essas vezes que nos põem à prova. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Avô. - Sim. - Porque é que se põe a estrela no cimo do pinheirinho? - Para não nos esquecermos daquilo que é realmente importante. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Boneco de Neve, o que tens para contar? - Tenho histórias que ouvi E outras que eu aprendi Sem ninguém mas desvendar… [...]

Ler mais  

lado a lado

Mãe, vem dormir comigo esta noite. Faz de conta que sou pequenina outra vez. Anda. Agarra-te a mim. Quando te agarras a mim dessa maneira, eu tenho vontade de agarrar a vida. Sei que sou capaz. Anda, mãe. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Diz. - Porque é que a vela tem chama? - A chama é o coração da vela. - Mas a chama treme. - Sim, treme porque se arrepia. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Quem são os anjos? - Os anjos são pessoas que partiram antes de nós. - Para quê? - Para nos mostrarem o caminho. [...]

Ler mais  

lado a lado

Ia uma menina a passar e o Tempo perguntou-lhe: - Aonde vais? E a menina respondeu: - Vou até à boca da noite Perguntar-lhe os seus segredos [...]

Ler mais  

lado a lado

Todos nós somos semeadores. A nossa vida é o terreno que vamos cultivando. Nem sempre o que deitamos nesse terreno dá o fruto que esperamos, às vezes há chuvas repentinas que nos molham por dentro e não é fácil vir à tona do desespero. [...]

Ler mais  

lado a lado

As mães embalam os filhos nas canastras que trazem à cabeça. Enrodilham as franjas do xaile mil vezes para desfazer os nós que ficam na garganta quando os filhos embarcam. As mães trabalham nos campos com os filhos às costas. [...]

Ler mais  

lado a lado

"A gratidão vai para além da retribuição. Vai para além do agradecimento que sentimos necessidade de fazer quando alguém nos faz bem. A gratidão é um estado de alma. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Diz. - O mar cabe num búzio? - Não, meu filho, o mar é muito grande para caber num búzio. - Então porque é que o ouvimos quando encostamos o búzio ao ouvido? [...]

Ler mais  

lado a lado

Os avós nunca têm pressa, a menos que seja a de fazerem as vontades aos netos. Para os avós, os netos estão sempre muito magrinhos, mais magrinhos do que da última vez, e querem engordá-los a todo o custo. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Para onde vai o sol à noite? - À noite, o sol veste o pijama e faz do horizonte a sua cama. - E não tem frio? [...]

Ler mais  

lado a lado

Os filhos são parte de nós. São a parte que não parte. São a melhor parte. Os filhos são o coração fora do peito. O coração nas mãos. São a parte que nunca colocamos de parte. Nunca. São a parte e o todo. Sempre. [...]

Ler mais  

lado a lado

A diferença que há entre as pessoas não faz diferença nenhuma. Não deveria fazer. A única coisa realmente importante e que as distingue é a diferença que fazem na nossa vida. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Diz. - Porque é que as pessoas velhinhas têm o cabelo branco? - Porque o Tempo é professor e tem as mãos cheias de giz. - Mas o Tempo não escreve no quadro, mãe. [...]

Ler mais  

lado a lado

Era uma vez uma menina Que encontrou um ninho. O ninho tinha lá dentro um passarinho Que não dormia, com falta da mãe. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - O que é a saudade? - A saudade é o amor que fica quando as pessoas que amamos foram embora. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que o amor é importante? - O amor impede que o coração encolha. - Encolher? [...]

Ler mais  

lado a lado

Meu filho, ouve. Um dia, quando eu não estiver, vais voltar a ser pequenino e a perguntar Porquê? como quando as coisas te espantavam e querias saber se as estrelas-do-mar eram estrelas caídas do céu. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Então, o que levas aí nesse saco, que vais tão carregado? - Levo as pedras do caminho. - E por que razão as levas e não as deixas ficar pelo caminho? - Porque as coisas que agora me pesam um dia me serão úteis [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Diz. - Porque é que só há uma lua? - Só há uma lua para nos lembrarmos de que há coisas que devem ser partilhadas por todos. [...]

Ler mais  

lado a lado

Tem cuidado. Não venhas tarde. Leva um casaco. Não andes à chuva. Liga quando chegares, seja a que horas for. Vai devagar. Depois diz como correu. Não ligues, não dês importância. Era de prever. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Porque é que chove? - A chuva é a forma de as nuvens chorarem. - E porque é que choram? [...]

Ler mais  

lado a lado

Não deixo que me virem a cabeça Nem que me atirem areia para os olhos A areia é para eu fazer castelos À beira-mar [...]

Ler mais  

lado a lado

Um dia de cada vez... Às vezes, a volta por cima é apenas um pequeno passo que você decidiu dar em outra direção. É agradecer pelos pequenos milagres que nos acontece. É aceitar que não temos todas as respostas [...]

Ler mais  

lado a lado

A palavra que mais tenho ouvido ao longo da minha vida é Mãe. Mãe, chega aqui. Mãe, onde estão as minhas calças? Mãe, o que é o almoço? Mãe, posso ir dormir a casa da Rita? Mãe, a Rita pode vir dormir comigo? Mãe, posso dormir contigo? [...]

Ler mais  

lado a lado

Os irmãos são aquelas pessoas que crescem connosco e que não deixam que nos falte a infância em nenhum momento da nossa vida. Os irmãos são a nossa infância sempre, mesmo quando formos velhinhos, porque partilham connosco um passado que fica até ao fim. [...]

Ler mais  

lado a lado

Há amigos e amigos. Há os amiguinhos e os amigalhaços. Há aqueles que fazem da amizade um negócio com o qual querem lucrar. Amizade de ocasião. Há aqueles amigos de conveniência, que só nos procuram quando não há mais ninguém ou quando precisam de favores. [...]

Ler mais  

lado a lado

Os anjos são de carne e osso. Os olhos são grandes ou pequenos, amendoados às vezes ou às vezes rasgados, azuis ou verdes ou castanhos e às vezes pretos, mas são daqueles olhos que têm raízes na alma e nunca olham só para o lado de fora das coisas. [...]

Ler mais  

lado a lado

Era uma vez um bebé Que adorava a hora do banho E as bolas de sabão Que via subir no ar Como a voz doce da mãe [...]

Ler mais  

lado a lado

Dorme, meu filho, encostado ao meu peito Conheces como ninguém o meu coração Ouviste-o do lado de dentro Talvez pensasses que era o vento [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Também tens medo do escuro? - Não, meu amor, tenho medo da escuridão. - E qual é a diferença, mãe? [...]

Ler mais  

lado a lado

Era uma vez uma menina Que descobriu o sítio onde a avó guardava os biscoitos Por fora, parecia um armário Mas, por dentro, era um aquário Forrado com papel impermeável [...]

Ler mais  

lado a lado

Encontra-te. Encontra coisas que te façam parar o tempo e tempo para parar as coisas. Lembra-te do sítio onde deixaste a paixão. Encontra-a. Sem morrer de paixão ninguém vive. [...]

Ler mais  

lado a lado

Se a lua fosse minha, eu dividia-a ao meio Nada de quartos minguantes ou crescentes Nem de luas redondas de rosto cheio Cortava-a certinha em duas metades [...]

Ler mais  

lado a lado

- O que diz o barquinho às ondas do mar? - Que nasceu para o navegar. - O que diz o vento às velas do moinho? - Que girar é o seu destino. - O que diz a lua à noite cerrada? [...]

Ler mais  

lado a lado

Este ano não te posso comprar nenhum presente, disse a mãe, como todos os anos dizia. Não faz mal, respondeu o menino, como todos os anos respondia. Talvez para o ano as coisas sejam diferentes, disse a mãe. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Diz. - Porque é que os livros são importantes? - Os livros são como pássaros livres. - Como pássaros livres? [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Diz. - Porque é que a vela tem chama? - A chama é o coração da vela. - Mas a chama treme. [...]

Ler mais  

lado a lado

Deixa-me cá apontar Que é para não me esquecer Daquilo que me faz falta Para um sábado a valer… Preciso de não fazer nada A não ser nada fazer [...]

Ler mais  

lado a lado

Há muito, muito tempo Quando o sol era pequenino E ia a correr pelo céu Com pressa de ir brincar Com as nuvens à apanhada [...]

Ler mais  

lado a lado

Os amigos a sério são aqueles que nos levam a sério. Os amigos que nos levam a sério estão sempre a brincar connosco e a pregar-nos partidas, mas não nos partem o coração nem brincam com os nossos sentimentos. [...]

Ler mais  

lado a lado

- Mãe. - Sim. - Para onde vai o sol à noite? - À noite, o sol veste o pijama e faz do horizonte a sua cama. - E não tem frio? [...]

Ler mais  

lado a lado

Não, não foi assim. Teve de se abrir concurso Para motorista do Pai Natal Foi o coelho e o urso [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

"Um homem tinha um pássaro em casa. Sempre que estava mais triste ia até perto da gaiola e desabafava... sentia-se sempre melhor depois de o fazer. Um dia, ao fim de longos anos de convivência, disse ao pássaro: - Meu querido amigo, tens sido um companheiro fiel da minha vida. [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

A leitura está ao alcance de todos. Sirva-se da imaginação e peça ajuda aos amigos. [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

OS FILHOS DO TELEMÓVEL E DO QUARTO! Antes perdíamos os filhos nos rios, nos matos, nos mares, hoje perdemo-los dentro do quarto! Quando brincavam nos quintais ouvíamos as suas vozes, escutávamos as suas fantasias e ao ouvi-los, mesmo à distância, sabíamos o que se passava nas suas mentes. [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

Pensar de pernas para o ar é uma grande maneira de pensar com toda a gente a pensar como toda a gente ninguém pensava nada diferente Que bom é pensar em outras coisas [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

“...E parece que nesta época do ano, o mundo fica mais colorido, mais cheio de vida... talvez seja a presença dos anjos, que com o ruído doce do bater das suas asas espalhem luz e cor, onde quer que estejam…” [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

O Bailado das fadas O bosque tinha acordado frondoso. A luz iluminava as copas das árvores, revelando o verde das folhas, que pareciam ter sido polidas para a ocasião. [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

A Ana quer nunca ter saído da barriga da mãe. Cá fora está-se bem, mas na barriga também [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

"A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos." [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

Feliz "Dia do Pai" para todos os pais que são gigantes no amor e que, com pozinhos de sabedoria e confiança, ajudam os seus filhos a criar a sua própria história...

Ler mais  

Mala d'estórias

A mãe é uma árvore e eu uma flor. A mãe tem olhos altos como estrelas. [...]

Ler mais  

LENDA DA ÁRVORE DE NATAL

"Quando nasceu o Menino Jesus toda a Natureza se alegrou. Pessoas, animais e até árvores e flores se sentiram felizes. No exterior do estábulo onde o Menino dormia existiam três árvores: Uma palmeira, uma oliveira e um pequeno pinheirinho. [...]

Ler mais  

Mala d'estórias

Quase vencida pelo peso do sono, a Noite virou-se para a Lua e perguntou-lhe: - Onde vais passar este ano o teu Natal? - Vou passá-lo com os meninos mais tristes e mais pobres das cidades - respondeu a Lua.[...]

Ler mais  

Mala d'estórias | AS FADAS

As fadas… eu creio nelas! Umas são moças e belas, Outras, velhas de pasmar… Umas vivem nos rochedos, Outras, pelos arvoredos [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

E as janelas eram de um azul tão intenso que, parecia até que o céu havia descido, ou o mar transbordado. Era assim todo dezembro. Os mais doces que vivi... Bem-vindo, dezembro!

Ler mais  

VOU TE Contar

Porque cada um sabe o que leva na bagagem, o que lhe pesa os ombros e as coisas que, sem escolha, precisou deixar pelo caminho. Coração é terra misteriosa, terra desconhecida, alagada ou seca demais, temporal e calmaria. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

E quando penso nos tantos caminhos que me trouxeram até aqui, penso também nos passos que caminharam ao meu lado, enfrentando frio e vento, sol forte e solo rachado. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Os momentos mais significativos da vida não são os mais longos, são os mais intensos. Tudo o que fazemos com alma, sentimos com alma, acolhemos com alma e deságua no coração. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Leve na bagagem tudo o que for bom. O que te faz bem, carrega.

Ler mais  

VOU TE Contar

Que a gente aprenda, afinal, a fazer pausas nas horas, a olhar sem pressa, a observar o dia e, feito criança, se lambuzar de vida. Que a gente aprenda, afinal, a reescrever nossa história infinitas vezes, refazer planos, desconstruir nossos castelos, tomar outra direção, mudar de ideia, inventar novos sonhos. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

E eu sei que nem tudo são flores, que às vezes o peito aperta e é difícil abandonar os lençóis. Eu sei que às vezes, você se esconde do mundo porque o medo é grande demais. Sei dos seus dias vazios, olhos rasos, esperando a noite cair, porque as horas lhe parecem assustadoras e estranhas. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Que a gente continue se encantando com as miudezas da vida, e descubra todos os dias um jeito diferente de sorrir, sentir e se emocionar. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

E quando temos a capacidade de nos alegrar com a alegria de alguém, algo extraordinário acontece. A vida nos devolve na mesma frequência o que sai da nosso coração, da nossa boca, do nosso olhar. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Dói se eu partir. Se eu ficar, também vai doer. A gente vai se ajeitando na vida, se ajeitando num canto onde seja mais confortável, onde seja mais fácil respirar, onde doa menos. Mas sempre vai doer. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

A verdade é que eu estou cansada... E é muito difícil chegar à exaustão quando você sabe que não pode parar, quando, entre lágrimas e um coração partido, você precisa seguir, pois não tem outro jeito, não há como escolher. [...]

Ler mais  

VOU TE Conta

Não existe nada mais glamuroso no mundo que se permitir sentir os dias de todos os jeitos, em todas as estações. É dar asas ao coração quando a vida pesar demais. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Só por hoje, eu quero desaprender. Me desconstruir pra me fazer de outro jeito. E deixar que a enxurrada leve embora os velhos conceitos, as antigas ideias e as coisas que me disseram, e que eu, sem opção, me agarrei como se fosse a minha última tábua de salvação. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

É outubro outra vez! Aproveite seu tempo para debruçar-se sobre o belo, faça pausas onde haja alegria, pois até ela (a alegria) é também passageira. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Coração é casa de descanso, de veraneio, com cortinas coloridas e janelas ventiladas de amor. Tem rede pra balançar, jardim multicolorido, e à tardezinha (quando o sol se põe), tem sempre uma conversa boa pra puxar a noite. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Eu sei dos seus temporais, da sua voz embargada, do nó na garganta, do seu olhar marejado. Sei do esforço gigante que você faz pra se manter de pé, quando tudo parece ruir, quando o peso do mundo está sobre os seus ombros e você pensa em desistir. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Benditos são os olhos onde a paz adormece, onde a beleza das entrelinhas são reveladas, onde é possível ensaiar uma nova canção toda vez que a música parar de tocar. Benditos são os olhos acolhedores, capazes de enxergar o íntimo, os sentimentos mais profundos, as palavras nunca ditas. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Nem sempre tenho palavras para descrever o que sinto, há coisas que não consigo dizer. Muitas vezes, prefiro apenas sentir, desembolar os sentimentos, entender o que acontece do lado de cá. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Agradeço por cada vida que encostou na minha, cada olhar que ousou desnudar minha alma e me enxergar melhor do que eu sou.[...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Tem dias que o coração da gente parece sorvete ao sol, fim de verão, caminho molhado, despedida no portão, um pote cheio de saudade. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Eu sempre me acolhi nos momentos em que eu mais precisei de mim. Me permiti chorar quando tive vontade, me permiti sorrir por uma bobagem qualquer e não deixei de acreditar na vida, nos sonhos, nas pessoas [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Acredite que, por mais difícil que esteja agora, vai passar. As dores, assim como as alegrias, não são eternas. São como dias de verão que parecem infinitos, mas passam e vão, como os invernos rigorosos que trazem saudades, mas também vão [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Talvez, as únicas coisas que devamos abrigar na memória, sejam aquelas que deságuam em saudade...

Ler mais  

VOU TE Contar

E se tudo se perder, apenas não se perca de si. Recria tua vida, arruma tua casa, refaz tua história. Para o relógio do tempo, escuta a voz do silêncio. Inventa um novo jeito, faz do teu jeito. As coisas logo se ajeitam e encontram seu lugar.

Ler mais  

VOU TE Contar

Tudo muda o tempo todo, inclusive nós, nossas percepções do mundo, a maneira como encaramos a vida, portanto, não se desgaste tentando provar estar sempre certo, tentando encontrar razões, buscar soluções imediatas. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

E deve existir na vida qualquer coisa que grite em silêncio, encurte as palavras e prolongue o tempo. Qualquer coisa que fale de esperança e rostos desmascarados, de sorrisos livres, do aconchego de um abraço. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Não ignore os seus sentimentos. Permita-se viver o seu luto (seja ele qual for), chorar o quanto for preciso, lavar sua alma, depois dar colo ao coração e descansar. É isso que significa nossas experiências. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Quase sempre, carregamos vida afora, feridas mal saradas que sangram infinito no campo das nossas emoções, no terreno mais profundo dos nossos sentimentos. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

«Quando eu era ainda bebê, fiquei doente e precisei ser hospitalizada. O ano era 1980, meu pai tinha um velho rádio de pilha que ele ligava todas as madrugadas para ouvir música caipira. [...]

Ler mais  

VOU TE Contar

Viver é nascer de novo a cada amanhecer. É ter a oportunidade de fazer diferente hoje, se reinventar, derrubar muros, construir pontes.

Ler mais  

VOU TE Contar

Um dia sentiremos falta de tudo o que não vivemos, das coisas mais bonitas que deixamos de fazer, dos milagres que não conseguimos enxergar, por olharmos sempre pra longe. [...]

Ler mais  

3m's - Menina, Mulher, Mãe

"SER MÃE DÓI Ser mãe dói na garganta quando os enjoos teimam em não passar Ser mãe dói na pele quando começa a esticar Ser mãe dói no peito quando começa a inchar Ser mãe dói nos órgãos quando o espaço começa a faltar [...]

Ler mais  

3m's - Menina, Mulher, Mãe

“Só chora quando está contigo, durante o dia ninguém o ouve”. Quando vos disserem esta frase sobre os vossos filhos, respirem de alívio! Se tal acontece, significa que estão a construir uma relação de confiança e de proximidade com eles. [...]

Ler mais  

3m's - Menina, Mulher, Mãe

❤ Uma gravidez é sempre uma gravidez e um filho será sempre um filho. ❤ "Não lhe digam que “ainda nem era um bebé”. E os enjoos que sentia? E o peito que doía? E a pressão que sentia na barriga? [...]

Ler mais  

Aqui Há Mães

Um texto delicioso sobre Ser Mãe🥰💞 Haverá um dia Em que não te ouvirei mais a chamares-me um milhão de vezes. Haverá um dia Em que não dormirei mais ao teu lado, nem segurarei a tua mão cheia de dobrinhas. [...]

Ler mais  

Aqui Há Mães

Carta de um pai a um professor... "Caro professor, ele terá de aprender que nem todos os homens são justos, nem todos são verdadeiros mas, por favor, diga-lhe que por cada vilão há um herói, que por cada egoísta há também um líder dedicado. [...]

Ler mais  

«O filho predileto»

Certa vez perguntaram a uma mãe qual era seu filho preferido, aquele que ela mais amava. E ela, deixando entrever um sorriso, respondeu: "Nada é mais volúvel que um coração de mãe. E, como mãe, lhe respondo: o filho predileto [...]

Ler mais  

«A Criança e o Sábio»

Um dia uma criança chegou diante de um pensador e perguntou-lhe: – Que tamanho tem o universo? Acariciando a cabeça da criança, ele olhou para o infinito e respondeu: – O universo tem o tamanho do seu mundo. [...]

Ler mais  

Academia Educar pela Positiva

Um menino brincava no quintal quando encontrou um casulo pendurado numa árvore. Espreitou e viu uma pequena borboleta, que fazia um enorme esforço para sair através de um pequeno buraco, sem sucesso. [...]

Ler mais  

Mamã Elefante

Trabalhar em casa não é nada fácil, aplausos para quem consegue! Sei-o por experiência própria. Além de se perder a parte da socialização, intrínseca ao ser humano, todas as tarefas mencionadas abaixo são consideradas "obrigatórias" e o número de horas trabalhadas é muitas vezes superior ao de quem tem horário fixo... [...]

Ler mais  

«O livro das boas-noites»

Vamos dar as boas noites Que são horas de ir para a cama, a Lua lavou os dentes e já vestiu o pijama [...]

Ler mais  

‘A casa’

Sei dos filhos pelo modo como ocupam a casa: uns buscam os recantos, outros existem à janela. A uns satisfaz uma sombra [...]

Ler mais  

Autor desconhecido

"Todos os anos os pais do Martin levavam-no para cada da avó, para passar as férias de verão. Ele ficava lá e os pais voltavam para casa, no dia seguinte, novamente de comboio. Um dia o Martin disse aos pais: - Já estou crescido. Posso ir sozinho para casa da avó. [...]

Ler mais  

«Fonchito e a Lua»

A Lua em troca de um beijo Fonchito apaixonou-se por Nereida, a menina mais bonita da turma e pediu-lhe um beijo . - Gostava tanto de te dar um beijo… Posso? Nereida corou ligeiramente, olhou para ele, muito séria, e respondeu [...]

Ler mais  

MULHER

"A mulher não é só casa mulher-loiça, mulher-cama ela é também mulher-asa, mulher-força, mulher-chama [...]

Ler mais  

«Guarda de mim»

Os avós são as flores em cada Primavera. São o mel nas palavras. São a certeza da mão estendida. Os avós são a canção mais bonita. São a história mais perfeita. [...]

Ler mais  

«O Principezinho»

As pessoas grandes gostam de números. Quando vocês lhes falam de um amigo novo, as suas perguntas nunca vão ao essencial. Nunca vos perguntam: "Como é a voz dele? De que brincadeiras é que ele gosta mais? [...]

Ler mais  

A CAMA DOS PAIS

A cama dos pais tem um íman e cá para mim (ninguém me convence do contrário) tem uma magia soporífera, um misterioso pó de amor impregnado nas almofadas, que faz com que os filhos adormeçam imediatamente e que o pior dos pesadelos, o mais trepidante terror noturno, fuja a sete pés. [...]

Ler mais  

«Não digas ao teu filho...»

Não digas ao teu filho que ele é preguiçoso para gatinhar ou andar. Ele acredita. Não digas ao teu filho que ele é difícil para comer. Ele acredita. [...]

Ler mais  

Ser Mãe é ser amor

Ser mãe é ser guerreira, é saber voar e rastejar se necessário. Ser mãe é conquistar mundos novos todos os dias [...]

Ler mais