lado a lado


lado a lado

Antes de darmos à luz um filho, já ele no-la ofereceu. Uma mulher à espera de ser mãe tem um olhar luminoso e, mesmo que o corpo lhe pese, caminha como se flutuasse. Ninguém dá conta, mas as mulheres à espera de ser mães caminham um bocadinho acima do chão. Estão a meio caminho entre o humano e o divino. Antes de darmos vida a um filho, já ele nos deu vida a nós. Antes de pormos um filho no mundo, já ele é o nosso mundo. Antes de o vermos pela primeira vez, já o vimos mil vezes. Antes de o pormos ao peito pela primeira vez, já o coração era o mesmo. Antes de ele ser de carne e osso, já era a nossa alma. Antes de ser nosso, já nós não eramos de mais ninguém. Antes de lhe darmos um nome, já era do nosso sangue. Antes das noites em claro, já os dias lhe pertenciam. Ainda nada estava desarrumado, mas a sua presença já estava em tudo. Antes de ser, já era tudo.

 ilustração de Sonia Koch

lado.a.lado