lado a lado


lado a lado

- Lê para mim. Gosto tanto de te ouvir ler.
- Eu também gosto de ler.
- Como é que aprendeste a ler assim? Nos livros?
- Não. Os livros só trazem palavras.
- E não chega?
- Não. Quem lê só as palavras ainda não aprendeu a ler. É preciso saber ler o que não está escrito. É preciso saber ler as estrelas e a linguagem de tudo o que não precisa de palavras para falar. É preciso ler o olhar e ler os sinais, ler em voz alta o silêncio do coração. - E como aprendeste a ler assim?
- Comecei cedo a juntar o céu às estrelas e o vento à agitação do mar. Comecei cedo a juntar o olhar das mães ao cheiro dos filhos e a perceber que não chegava juntar as letras para comunicar com o mundo e estar em diálogo com a vida.

lado.a.lado