lado a lado


lado a lado

Pode parecer que a casa fica mais vazia
E até maior
Pode parecer que as noites são mais longas
E que as horas demoram a passar
Por saber que a porta não se vai abrir
Nem vai espreitar para nos mandar dormir
Pode parecer que se foi embora
E que nem o cheiro das coisas é igual
E que as janelas já nem servem para olhar
Mas isso é o que quer a dor
Está mal habituada
Pensa que nos leva tudo só porque sim
Deixa que pense assim
Não sabe que as mães é que sabem
E que não se consegue desobedecer
Ao seu amor
E que, quando as mães dizem que não faz mal,
É porque não faz
E o coração esquece-se de ser triste
E apenas ama o que nele existe.

lado.a.lado