«Não digas ao teu filho...»


«Não digas ao teu filho...»
Não digas ao teu filho que ele é preguiçoso para gatinhar ou andar.
Ele acredita.
Não digas ao teu filho que ele é difícil para comer.
Ele acredita.
Não digas ao teu filho que ele só sabe chorar.
Ele acredita.
Não digas ao teu filho que ‘Faz manha’.
Ele acredita.
Não digas ao teu filho que vem lá o bicho papão e leva-o.
Ele acredita.
Não digas ao teu filho que é um cabeça no ar.
Ele acredita.
Não digas ao teu filho que ele é um mariquinhas porque está a chorar.
Ele acredita.
Fala-lhe antes da luz que vês nele, dos anjos que vos protegem, da importância dos vossos abraços, dos seus dons, da sua capacidade de conseguir realizar os seus sonhos, da tua vontade de o ter por perto e como a sua gargalhada torna o teu dia mais colorido.
E ele... acredita.
Nós tornamo-nos naquilo em que acreditamos.

Texto by Sandra Matos
Ilustração Mamã Cartoon